Gramofocas - 8 Canções

Em 97, três amigos de escola que gostavam de punk rock resolveram montar uma banda. Sem muita pretensão surgia o Gramofocas. Pedro (guitarra), Paulo (baixo) e Guth (bateria), tendo como principal influência Ramones começaram a compor suas próprias músicas usando melodias simples e misturando os 3 acordes e a energia do punk rock com levadas um pouco mais Rockabilly e Country, que acabou sendo rotulado de Punkabilly. Passando longe de assuntos políticos e protestos, as letras do Gramofocas ficam entre relações amorosas adolescentes e bebidas alcoólicas (principalmente cerveja) gerando um som mais descompromissado e divertido, claramente sentido em suas apresentações onde rolavam covers de Ramones, Beach Boys, Misfits, Chuck Berry, Toy Dolls, Buddy Holly e Johnny Rivers assim como versões punk rock para clássicos da música brasileira, como Cascavelletes, Léo Jaime, João Penca e Jovem Guarda em geral.
Gravaram uma demo tape em 98 e começaram a divulgação entre os amigos. A banda começava a crescer e a tomar uma postura mais profissional quando Guth mudou-se para Campinas para estudar. Após vários testes, Amigo Punk (apelido inspirado no clássico da grande Graforréia Xilarmônica) assumi a bateria. Em setembro/outubro de 2000, já com a nova formação super entrosada, entram em estúdio mais uma vez. No início de 2001, ainda com a fita pra lançar, foram contratados pela PROTONS que juntou as 6 músicas novas com a velha demo e alguns bônus e lançou o sucesso de vendas "Amor, Cerveja e Sessão da Tarde" que rendeu a banda muitos elogios e shows como no Porão do Rock, Goiânia Noise, São Paulo (Hangar 110), entre tantos outros mais informais.
Em 2002, já esgotadas as demos, a banda não parava de tocar, passando pelos principais eventos (entre eles Festival PROTONS e Super Noites Senhor F) e casas de show da cidade. Com tantas apresentações, sempre muito divertidas, conquistaram cada vez mais fãs. Estava na hora da banda lançar seu CD. Em 2003, evitaram os palcos para se dedicar completamente a gravação. Capturando o melhor das influências punk rock, rockabilly e country sem esquecer os refrões marcantes cantados em coro que fizeram a banda se destacar, nascia o CD "Sempre que eu fico feliz eu bebo" lançado em abril de 2004.
Agora a banda volta com força total, com sede de palco e cheia de planos que inclui o primeiro vídeo clipe do grupo e shows por todo Brasil.

1. Bagaceira Baby
2. Garota Comunista
3. A filha do dono do bar
4. Sempre que eu fico feliz eu bebo
5. Você é meu rolinho Parmalat
6. Um Gole Aqui, Um Gole Lá
7. Viva Boris Yeltsin!
8. Country Song

Sites: Protons e Gramofocas

3 comentários:

Joaodebelo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

Os Gramofocas são a banda mais promissora do punk brasileiro!!!

johnn disse...

hey pessoas...há como colocar todas as musicas no trama virtual!!!
eu só tenho como baixar dessa forma...
eu queria baixar ...ELA NÃO LIGA PRA MIM"
Grato..
sucesso